[Resenha] Zizz e a Mulher em Pó

22:25

Título: Zizz e a Mulher em Pó
Autor: J.C. Zeferino *Parceria
Editora: Lex Dei

Sinopse:
"Conheça a divertida história de Zizz Oriexil, o nosso protagonista de um futuro não muito distante em que as pessoas são separadas por castas (dependendo da genética com que são designados ao nascerem), a quem foi reservado a tarefa de mero limpador de lixo virtual do sistema T.O.S.C.O, no planeta Terra em Megalópole I. Mas o que o diferencia dos demais, fazendo que supere as dificuldades impostas pelo onipotente T.O.S.C.O (supercérebro eletrônico controlador do sistema) e a tirania de Crau, dirigente de Megalópole I, por pertencer a uma genética nobre? A nova tecnologia genética colocou a serviço dos homens e mulheres os maravilhosos seres em pó, perfeitas réplicas que atendem a todos os fetiches e desejos sexuais de seus usuários. Entretanto, estes fantásticos seres, não estão ao alcance de qualquer um. O que faz de Zizz especial é possuir um supercomputador quântico, Mnemósine – cobiçada até por Crau, que por meio de projeções holográficas (que parecem reais) atende a todas as vontades de seu dono desde que este nasceu. Seu único defeito? Não poder atender ao desejo de Zizz de experimentar o prazer do contato físico com uma mulher e, mais especificamente, de uma inatingível Mulher em Pó. Mal sabe Zizz o quanto Mnemósine sofre (sim, ela tem sentimentos, o que a diferencia de qualquer outra máquina) com a indiferença dele. Até que ocorre uma grande reviravolta na vida de todos, quando Zizz obtém no mercado negro uma Mulher em Pó sem saber que ela tem um defeito de fabricação. Uma perfeita sátira e crítica social sobre a sociedade atual, com seus inúmeros fetiches, superficialidade e coisificação de valores, ao privilegiar objetos em detrimento de sentimentos. "

Oi, gente. Como tem passado?

Hoje vim falar sobre mais um livro que entrou para a minha listinha de favoritos (não, nem todo livro que eu leio eu amo, acredite! rsrs), pelas mensagens que ele traz consigo. E olha que nem é o tipo de livro que eu tenho o hábito de ler. Fisicamente ele é lindo. As páginas são todas decoradas e grossinhas, tornando o contato com ele muito prazeroso. A escrita do autor é excelente, fazendo com que o leitor não consiga parar mais de devorar o livro até que chegue sua última página.
Zizz e a Mulher em Pó é um romance de ficção científica narrado em terceira pessoa e se passa no ano de 2048. Com o passar dos anos, a tecnologia se apoderou da Terra criando um mundo diferente do que hoje estamos acostumados a viver e com uma série de novas invenções tecnológicas. Junto a essas criações diferentes e inimagináveis, a que mais se destacou na história foi a criação dos homens e mulheres em pó, no qual qualquer cidadão que tivesse créditos suficientes, poderiam obter esses seres que seriam piamente obedientes a seus donos realizando todos os seus desejos.
Zizz, o personagem principal, nutria um sonho: ter uma mulher em pó. Mas infelizmente não possuía créditos para isso, principalmente porque passara grande parte de sua vida pagando uma multa que não cabia a ele pagar, deixada por seu melhor amigo, Jig. 
"Os olhos do menino se abriram pela primeira vez, claros e límpidos como um céu azul."
Jig e Zizz se conheciam desde a infância. Juntos tiveram o desprazer de conhecer o rico e poderoso Crau, filho e herdeiro das empresas que fabricavam as mulheres em pó. Crau era um sujeito ambicioso, e tentava de todas as maneiras convencer seu "amigo" Zizz a vender seu supercomputador, Mnemósine. Chegou até mesmo oferecer três mulheres em pó e mais um supercomputador em troca de Mnemósine.
Tudo isso porque Mnemósine não era um simples computador. Ela fora comprada desde que Zizz era apenas um bebê por seus pais, com o intuito de cuidar dele por toda a vida. E assim fez, e acabou se apaixonando por Zizz. Sim, ela era uma máquina que tinha sentimentos de uma pessoa comum. Mas Zizz precisava de mais do que aquilo, ele queria alguém de carne e osso, uma mulher vegetal, assim como as mulheres em pó.


Em um dia, Zizz foi ao Cybercado público, pois estava muito chateado com uma série de coisas que haviam acontecido e precisava ficar sozinho. Ele acabou sendo flagrado por um homem, Esaciamak, vendo uma das caixas de mulheres em pó a venda. Como não podia ter uma daquelas, devolveu a prateleira. Esaciamak, era um poderoso homem que trabalhava com vendas proibidas no Cybercado negro, e tramou para que Zizz fosse até ele e acabou fazendo uma oferta a Zizz, que pode finalmente realizar seu sonho de ter sua mulher em pó.
Só que Zizz não contava que a mulher em pó que ele havia comprado já tinha passado de sua validade e possuía um grave defeito de fabricação. Se descobrissem que ele estava por aí zanzando com uma mulher em pó ilegal, poderia parar na cadeia, um lugar nada desejado de apodrecer em pleno 2048. 
Para o azar de Zizz, Crau acabou descobrindo o que ele fez e ele só tem uma alternativa para se livrar da prisão: entregar Mnemósine. 



Eu li o livro em poucas horas, ele é bem pequeno e mega divertido. Eu consegui imaginar os personagens e um futuro daquele jeito. Super recomendo. Não tem desculpa para não ler, rsrs.

Espero que vocês tenham gostado, pessoal. Caso queiram entrar em contato com o autor para adquirir a obra, acessem esse link: aqui. Até a próxima resenha.
Beijo beijo ;*

Você pode gostar também

16 comentários

  1. Sou viciada em livros mas, por acaso, nunca li um de ficção científica. Gostei da história. Vai entrar na listinha de possíveis compras.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Jura, Mari? Esse livro é ótimo. Se estiver afim mesmo de começar a ler esses gêneros, te recomendo também Catástrofe Humana. Inclusive, tem resenha aqui no blog.
      Beijão, xará linda ;*

      Excluir
  2. Bem diferente a história, mas parece ser interessante. A leitura é fácil? Nunca li nada de ficção cientifica. Beijos ♥

    www.patydibona.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi, Paty!
      É diferente sim! Mas é ótimo. E super fácil de ler... Ele é pequeno, a leitura flui. Você nem vê o tempo passar...
      Beijinhos, linda

      Excluir
  3. Eu li uma resenha desse livro no blog da Tainan e já me apaixonei hahahaha to louca para ler, mas não encontro nas livrarias daqui :( chateada
    www.hicultura.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi, Kat!
      Realmente, ele é apaixonante. Creio eu que ele não está disponível em qualquer livraria... Mas se quiser, entre em contato com o autor, deixei o link no post.
      Beijão

      Excluir
  4. Muito linda a diagramação do livro, a folha parece ser uma fofura. A história me chamou muito a atenção e com certeza irei ler o livro, em breve. É o tipo de leitura que eu gosto bastante. Adorei sua dica e sua resenha, Mariana.
    Beijo,
    http://pactoliterario.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi, Ana!
      Realmente, ele é super lindo. E a história também é ótima. Lê sim, tenho certeza que não irá se arrepender.
      Muito obrigada pelo carinho.
      Beijos

      Excluir
  5. Gostei do numero 4 romântico da aquela curiosidade de ler.

    ResponderExcluir
  6. Ah nunca tinha visto esse livro! Gostei da sinopse! Vou botar na listinha de leitura!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Isso aí, Ly. Ele é maravilhoso! Espero que goste.
      Beijão, linda

      Excluir
  7. teu cantinho é show de bola
    curtindo e seguindo vc
    beijão
    http://www.modanamao.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Jura, Michèle? *-*
      Muito obrigada pelo carinho.
      Beijão

      Excluir

Quero ler

Estou lendo